Violência na educação é debatida em Indaial

OIndaialense/Foto Divulgação

 

INDAIAL – Na semana que antecedeu a data de comemoração ao Dia do Professor (15 de outubro), o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Indaial (Sinserpi) e a vereadora Aurora Coelho (PT) realizaram, em parceria, um debate sobre a violência contra a Educação – física, simbólica e de direitos.

A ação foi realizada no dia 10 de outubro, no plenário da Câmara de Vereadores de Indaial. Dentre os presentes esteve a professora Márcia Friggi, que relatou a violência sofrida por ela em agosto deste ano, a qual teve repercussão em todo país.

Os palestrantes foram os professores Liseu Mazzioni – presidente da Federação dos Trabalhadores Municipais de Santa Catarina – e Marta Vanelli – membro titular do Fórum Nacional de Educação e Secretaria de Formação da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE). Foram debatidos assuntos como a violência física, psicológica, moral e contra os direitos conquistados pelos professores.

Participaram professores, coordenadores, alunos e comunidade. A vereadora Aurora Coelho, que também é professora, chamou atenção para o aumento da violência em sala de aula e, segundo o que definiu, o silêncio da sociedade diante destas agressões. “Nestes momentos de incertezas, não podemos aceitar o paliativo e nos deparar com inúmeros processos administrativos, boletins de ocorrências e a judicialização de conflitos diuturnamente, pois com isso está se perdendo a autonomia e autoridade da escola e dos professores. Somente através da educação poderemos mudar a sociedade”.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here