A notícia além do olhar técnico!

Vereadores de Presidente Getúlio aprovam alteração na legislação municipal para garantir mais recursos aos Bombeiros Voluntários

0

POLÍTICA – Por iniciativa do Poder Executivo, na noite de segunda-feira (18) foi aprovada a alteração da lei municipal 2.773/10 que criou o Fundo de Reaparelhamento do Bombeiro.

Desde 2010, as taxas pagas pelos Empresários e Comerciantes de Presidente Getúlio ao receberem as vistorias de prevenção de incêndios ou análise de projetos, são destinadas a um Fundo Municipal chamado Funrebom – Fundo de Reaparelhamento do Bombeiro, porém estes recursos estavam sendo utilizados somente pelos Bombeiros Militares que prestam o serviço preventivo no município.

O Comandante dos Bombeiros Voluntários de Presidente Getúlio, relata que a corporação está trabalhando fortemente para melhorar ainda mais a estrutura de atendimento. “Outras Corporações de Bombeiros Voluntários cresceram e se fortaleceram muito nos últimos anos e nossa Corporação está trabalhando na mesma linha de busca de recursos, para 2018, vamos buscar viabilizar a liberação de recursos do SUS – Sistema Único de Saúde, e o reconhecimento como Instituição Filantrópica, que ajudará na redução de gastos da Corporação e possibilitará em mais doações para no futuro, estarmos com a Corporação estabilizada financeiramente e bem estruturada para atender cada vez mais a população”, salienta o Comandante

Os Bombeiros Voluntários que prestam atendimento a situações de emergências e/ou calamidades públicas, recebem recursos do Governo do Estado, prefeituras, empresas e da comunidade, mas como o atendimento a emergências tem um custo mais alto estes recursos são insuficientes para cobrir todo os custos. Este valor pago pelos comerciantes e empresários nas taxas de vistorias, irá ajudar no custeio e investimentos evitando que a corporação passe por dificuldades.

Divisão do Funrebom em SC
Esta divisão já ocorre em outras 12 cidades Catarinenses. No oeste do estado, a divisão do Funrebon é 90% para o Bombeiro Voluntário e 10% aos Bombeiros Militares.

Em outros municípios a divisão é 50% para cada corporação.

No município de Indaial, 45% dos recursos são destinadas aos Bombeiros Voluntários, 35% com o Bombeiro Militar e 20% para a Prefeitura, divisão esta que já ocorre desde 2016.

Em Presidente Getúlio, não há porcentagem de divisão, os recursos serão divididos entre Bombeiros Militares, Bombeiros Voluntários e Defesa Civil, conforme Plano de Aplicação a ser apresentado e aprovado pelo Conselho Gestor do Fundo Municipal.

A Diretoria, Comando e os Bombeiros Voluntários, agradecem a Administração Municipal, Câmara de Vereadores, CDL – Câmara de Dirigentes Logistas e ACIPG – Associação do Comércio e Indústria de Presidente Getúlio.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.