A notícia além do olhar técnico!

Unidade Cia Hering Indaial continua em greve e cinco funcionárias são demitidas

18

INDAIAL – Desde o dia 08 de março, funcionários da Cia Hering, unidade bairro Encano Baixo em Indaial estão em greve em virtude da não analise pela empresa de cerca de 20 itens de reivindicações, entre os quais melhores condições de trabalho e repasse do PPR (Programa de Participação de Lucros).

Vivian Kreutzfeld , presidente do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis e o Diretor do Sindicato em Indaial, Juvenal da Silva

Segundo Vivian Kreutzfeld, que é presidente do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis- Sintrafite, que representa trabalhadores de Blumenau, Gaspar e Indaial, mas o Diretor do Sindicato em Indaial, Juvenal da Silva, confirmaram que apesar da greve seguir os padrões da legislação vigente, inclusive com a denominada “operação tartaruga”, onde o trabalhador diminui o ritmo, mas não paralisa a linha de produção completamente, a Hering demitiu cinco funcionárias para tentar enfraquecer o movimento que tem adesão de 70% dos trabalhadores.

A Rádio Nova FM manteve contato com empresa, na sede que fica em São Paulo, a Hering, informou por meio de assessoria de imprensa que não vai se pronunciar sobre a greve em Indaial e o estado de greve em Blumenau.

O comando grevista, representado por Vivian Kreutzfeld , presidente do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis- Sintrafite , e o Diretor do Sindicato em Indaial, Juvenal da Silva, concederam entrevista a Radio Nova FM.

 

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.