Professores ACTS de Indaial questionam possível regressão salarial.

INDAIAL – Os professores da Rede Municipal de ensino de Indaial, foram comunicados através de um email sobre uma possível regressão salarial em seus vencimentos, por isso os denominados ACTS estão questionando da prefeitura de Indaial a possivel regressão salarial.

Acompanhe o conteúdo do comunicado, de um grupo de professores a imprensa.

Conforme nota enviada por email para as escolas municipais de Indaial o vencimento dos ACTs para o ano 2019 será em nível inicial da tabela de graduados, não sendo mais possível ingressar com o valor da pós-graduação ou mestrado.

O Plano de Carreira dos profissionais da educação de Indaial, lei 113/2011, que rege no seu Artigo 3º parágrafo V prevê – a valorização de cada profissional da educação, através da progressão salarial na Carreira com incentivos que contemplam scolaridade/habilitação, desempenho, conhecimento, atualização e aperfeiçoamento profissional.

Todos os professores da rede municipal de Indaial, independente se efetivos ou contratados possuem o mesmo salário inicial, conforme sua habilitação, pois o Plano de Carreira prevê o incentivo de preparo profissional para aquele que estudou e tem um título a mais.

Demonstrando preocupação muitos profissionais enfatizaram que a administração atual vê o salário dos professores com pós-graduação ou mestrado como um gasto a mais. Deixando este direito reservado apenas aos profissionais efetivos.

Existe o questionamento desses profissionais de educação na imprensa, pois os professores ACTS ou efetivos fazem o mesmo trabalho, o professor ACT, já é desvalorizado pois não tem acessos ao longo da carreira e nem é incorporado por tempo de serviço, agora também perde o direito de ingressar com um nível a mais na carreira. A diferença salarial de um nível para o outro é de aproximadamente R$ 300,00 reais.

Para evitar retaliações,a identidade dos profissionais ficará no anonimato,mas muitos destacaram que talvez deveria sim ocorrer uma economia , mas com a diminuição dos cargos comissionados,onde poderia ser pago essa pequena diferença aos professores.

Os professores ainda relataram que Indaial é referência na educação, onde a poucos dias o MEC, divulgou o IDEB ( índice de desenvolvimento da Educação Brasileira) das escolas do Brasil com suas metas, Indaial na Rede Municipal alcançou e superou sua meta. Conforme podemos verificar:
– Meta projetada pelo MEC para Indaial nos anos inicias em 2017 era: 6,1 e Indaial alcançou média 6,6;
– Meta projetada pelo MEC para Indaial nos Anos Finais em 2017 era: 5,4 e Indaial alcançou 5, 6.

A Rede Municipal alcançou bons resultados, com certeza por ter professores graduados, pós -graduados e mestrado. Ensino de qualidade começa com um professor habilitado em sua área, e isso vem melhorando muito nos últimos anos, até porque temos instituições de ensino superior em nossa cidade que contribuem para a qualificação do profissional.

Para finalizar mencionaram que toda empresa que preza por uma gestão de excelência, e quer entregar um serviço de qualidade, investe no aperfeiçoamento profissional e a Prefeitura Municipal de Indaial está indo na contramão disso. Esperamos que o Prefeito não cometa esse erro grave, aceitando essa medida que só desmotiva ainda mais os professores

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.