banner dengue indaial
Banner Rodeio
PlayPause
previous arrow
next arrow

Padre réu por estupro de vulnerável e vítimas são ouvidos pela Justiça em São Francisco do Sul

banner camara timbo maio
banner camara blumenau maio
banner chutze
banner_olia
banner Gula Mania
PlayPause
previous arrow
next arrow

Desde ontem quinta-feira (23) e hoje sexta-feira (24) ocorrem as audiências de instrução de um padre acusado de abuso sexual de quatro meninos, no Fórum da Comarca de São Francisco do Sul, no Norte catarinense.

Conforme a promotoria de Justiça do município, o padre é réu por estupro de vulnerável. Serão ouvidos nestes dois dias testemunhas, vítimas e o acusado, previsto para dar depoimento na sexta-feira.

Segundo a promotoria, estas audiências podem levar à sentença do padre, desde que se cheguem às alegações finais durante o depoimento. Entretanto, pela complexidade do caso, a promotoria acredita que a decisão será dada depois e que ainda devem ocorrer depoimentos complementares em gabinete.

O inquérito policial foi concluído em julho e apontou que quatro meninos, de 12 e 13 anos de idade, de São Francisco do Sul teriam sido abusados pelo padre.

O padre está preso desde 9 de junho na Unidade Prisional Avançada (UPA) de São Francisco do Sul, e foi liberado nesta quinta-feira para a audiência, segundo o Departamento de Administração Prisional (Deap).

G1 tentou contato com o advogado do padre, Karlo Murillo Honotório, que informou estar na audiência e que não podia dar mais detalhes sobre o processo.

Abusos

Os meninos contaram sobre os abusos aos pais, que denunciaram à polícia. Conforme a Polícia Civil, os crimes vinham acontecendo havia cerca de dois anos. Algumas das vítimas detalharam os abusos sofridos na casa paroquial.

“Ele vinha à nossa casa, tomava café, almoçava, jantava, vinha passear aos domingos. Nós tínhamos ele como uma pessoa da família, mesmo. E nós o amávamos de todo o coração”, contou a mãe de um dos meninos que relatou os abusos.

O padre foi ordenado em 2011 e, logo em seguida, enviado a Mafra, também no Norte do estado, onde trabalhou por um ano. Em São Francisco do Sul, esteve à frente da Paróquia Santa Paulina por quase cinco anos.

você pode gostar também
banner dengue indaial
banner chutze
PlayPause
previous arrow
next arrow
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

..