Mais de 13 km de fiação irregular (gatos) são arrancados

(Fonte:Diarinho/Foto:Reprodução)

GERAL – Nada menos que 13 quilômetros de fiação irregular foram retirados dos postes das avenidas Brasil e Atlântica, em Balneário Camboriú, por uma força-tarefa montada da equipe da contribuição para Custeio de Serviço de Iluminação Pública (Cosip) e que contou ainda com a Celesc e operadoras de telefonia, internet e TV a cabo.

A maior parte das irregularidades estavam na avenida Brasil, diz Anderson dos Santos, gestor da Cosip. “Recolhemos em torno 9 mil metros de cabos em desuso. E isso só a Cosip. Algumas empresas também recolheram seu material e levaram para reaproveitamento”, informa.

O trabalho na avenida Brasil começou em 23 de julho e só terminou na semana passada. Foram 5,5 quilômetros, 186 postes e 136 horas de sobe-e-desce de postes pra tirar a fiação desnecessária ou irregular.

O trabalho envolveu cerca de 60 pessoas. Além dos técnicos da Cosip e dos eletricistas da Celesc. Havia funcionários de 10 empresas.

O trampo na avenida Atlântica rolou em junho e por lá foram quatro quilômetros de fios arrancados e recolhidos pela Cosip. “Tinha cabo de 1983, ou seja, de 35 anos atrás”, comenta Anderson.

Toda a tralha foi levada para um depósito e ainda será definido o que fazer com ela.
Até outubro, avisa Anderson, a Cosip bota a força-tarefa pra trabalhar de novo e vai fazer a limpeza dos postes da Terceira avenida.

Desde junho, Balneário Camboriú tem uma lei municipal que define as regras para uso e ocupação dos postes públicos. Uma delas é que todo o cabeamento instalado esteja em uso e devidamente identificado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here