Slider

Internado na UTI , morador de Laurentino conhece filha após dois meses do nascimento

Por Judson Lima

RIO DO SUL – A incrível sensação de conhecer a filha somente depois de dois meses de nascimento aconteceu com um morador do município de Laurentino, no Alto Vale do Itajaí.

Internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional de Rio do Sul, desde 30 de dezembro do ano passado.

Neste mesmo dia a sua mulher Ana Maria deixou a maternidade, Valdeci Moraes, de 52 anos, foi internado para tratar de um problema pulmonar.

Em razão da saúde bastante debilitada não teve condições de acompanhar o parto.

Aila é a oitava filha do casal e Valdeci só a conhecia através de fotos. Com o encontro foi proporcionado pela ação da equipe multidisciplinar que atua na UTI, responsável pelos “passeios” na área externa, para os internados há mais de 30 dias, Valdeci teve a oportunidade de encontrá-la pela primeira vez. Mesmo assim sem poder pegá-la no colo.

Durante o curto período que passou na parte externa, matou a saudade das filhas, mas em especial do Joaquim, que tem 1,5 ano. Depois retornou à UTI.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.