IMG-20210628-WA0344
UNIMED---50-anos
Banner Indaial
1200 x 100 (3)
PlayPause
previous arrow
next arrow

Identificada jovem morta pelo pai, assassino continua internado , PM deu detalhes sobre a barbaria em Rodeio

Por Judson Lima

gulamania
1200 x 100 (2)
PlayPause
previous arrow
next arrow

RODEIO – Claudinei Tizon, conhecido como Nei de 42 anos é o pai que assassinou a facadas a própria filha Géssica Dias Tizon de 21 anos na noite desta segunda-feira (12). Ele ainda feriu gravemente a ex-mulher de 39 anos, o ex-cunhado de 34 anos, a ex-sogra de 56 anos e o ex-sogro de 61 anos, todos foram esfaqueados.

A Polícia Militar divulgou detalhes sobre o crime ocorrido no bairro Rodeio 12 na área do Rio Belo. Claudinei não conformado com o fim do relacionamento invadiu a casa da ex-mulher armado com um rifle calibre 22, efetuando vários disparos, o cunhado de 34 anos conseguiu desarmar o criminoso, que o surpreendeu com uma faca, desferindo vários golpes, deixando a vítima em grave estado.

Géssica Dias Tizon de 21 anos

Então deu sequência a carnificina, golpeando a ex-mulher Claudete Dias no tórax e ferimento lacerante na perna esquerda. A filha Géssica Dias Tizon foi mortalmente ferida, falecendo ainda na cena.

O ex-sogro e a ex-sogra também tiveram perfurações com a faca, largada na cena. Então Claudinei Tizon fugiu para uma casa a cerca de 50 metros do local do crime, pegou outra faca e tentou suicídio em mata fechada, cortando pulsos, pés e abdômen.

A Polícia Militar o encontrou próximo a um córrego. Sendo que o criminoso foi removido pelo Corpo de Bombeiros Militar ao Hospital Oase em Timbó, onde foi internado, recebendo alta nesta terça-feira (13), sendo preso pela Polícia Civil.

A ex-mulher Claudete Dias foi removida ao Hospital Oase, para onde também foi levada a mãe dela Maria Gorete Dias. O ex-cunhado em grave estado e o ex-sogro, Edinir João Dias e Adenir Pedro Dias foram atendidos pelos Bombeiros da União e levados ao Hospital Beatriz Ramos pelo SAMU.

Duas crianças menores, ficaram sob responsabilidade do Conselho Tutelar, informou a equipe do Corpo de Bombeiros Voluntários de Ascurra-Apiúna-Rodeio.

Desde ontem a Polícia Civil apura o crime bárbaro que chocou a cidade de Rodeio e o Vale do Itajaí pela tamanha brutalidade.

Claudinei Tizon tem passagem policial por ameaça contra mulher Claudete Dias.

 

 

 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.