Slider

Homem é condenado a 58 anos de reclusão por estupro de vulnerável na região do Vale

Por TJSC

SANTA CATARINA – Um homem foi condenado a 58 anos de reclusão pela prática de estupro de vulnerável e por estupro qualificado, ambos os crimes de forma continuada, em sentença prolatada pelo juiz Edemar Leopoldo Schlosser, da Vara Criminal da comarca de Brusque, no Vale. O réu era amigo das famílias das vítimas.

De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público (MP), os abusos iniciaram quando as vítimas tinham entre nove e 12 anos de idade. Uma das crianças teria sido abusada durante dois anos, dos nove aos 11 anos de idade. O homem se valia de violência para obter seu intento, por vezes gravado, e ainda fazia ameaças de morte contra as vítimas e seus familiares.

Os atos libidinosos ocorriam na maioria das vezes quando o acusado levava os menores para lugares ermos, matagais, terrenos baldios e loteamentos afastados, sempre longe de testemunhas. Houve caso de violência sexual até no interior do próprio carro do acusado. O homem de 50 anos, que já estava preso preventivamente, não poderá recorrer em liberdade. Da decisão, cabe recurso ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC). O processo tramita em segredo de justiça.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.