Festa não autorizada foi encerrada em casa de Show de Indaial

Por Judson Lima

INDAIAL – A guarnição foi empenhada pela Central Regional de Emergência para atendimento da ocorrência no centro da cidade em frente a CASAN onde deslocou em acompanhamento a uma equipe da Vigilância Sanitária do Município de Indaial.
Ao chegar no local a guarnição confirmou o fato, constatando-se que a parte da frente do estabelecimento estava fechada e que o acesso ao local estava ocorrendo pelos fundos.

Que ainda no lado de fora era possível ouvir o som que estava tocando no evento, sendo este desligado com a chegada das viaturas policiais e da Vigilância Sanitária.

No local foi possível constatar um ambiente fechado, sem nenhuma ventilação, (sem janelas ou exaustor), e um grande número de pessoas, aglomeração de pessoas a ponto de não conseguirem um controle de distanciamento.

Também foi constatado um palco com dois prestadores de serviço tocando o evento. que se identificou com DJ. O qual possuía e utilizava um Notebook Acer e uma mesa controladora de som.

O Outro profissional foi identificado alegou que trabalha pra uma empresa de som de Blumenau e estava no local prestando serviço , o mesmo possuía e utilizava-se de uma mesa de som, 4 caixas de som grande duas instaladas em pedestal e outras duas no chão e 4 canhões de luz de LED.

A responsável pelo local e pelo evento foi identificada a qual preferiu não prestar nenhuma declaração em relação aos fatos.
Saliento que o local, já foi alvo de diversas denúncias e fiscalizações por parte da Policia Militar, sendo lavrado alguns termos circunstanciados no local em outras situações, que também já foi prestado apoio à vigilância sanitária onde foram orientados.

Diante dos fatos flagrados na data de hoje a equipe da vigilância sanitária confeccionou Auto de intimação para interdição para posterior processo administrativo.

A guarnição policial apreendeu todo o equipamento sonoro e de iluminação que estava sendo utilizado no local, lavrando-se o respectivo recibo de apreensão bem como o Termo de Depósito ficando como fiel ositário dos equipamentos os seus proprietário e ou responsáveis. Sendo assim foi lavrado o presente Termo Circunstanciado por perturbação do sossego e por infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa (Infração de medida sanitária preventiva)., ficando as partes compromissados a comparecer na Justiça Especial Criminal em data e hora já pré definida pelo sistema, em18 de junho de 2021 às 16h00min.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.