Ex-vereador denúncia que secretaria de saúde de Indaial comprou marmitas em restaurante de funcionário municipal

Por Judson Lima

INDAIAL – O ex-vereador Delegado José Klock apresentou denúncia envolvendo a compra de marmitas por parte da secretaria de saúde de Indaial para repassar aos servidores do setor, mas a aquisição fora feita em restaurante de um funcionário da prefeitura, o que é vedado por lei, ele é lotado como pedreiro, o valor da compra R$ 2.124,00 reais e ocorreu no mês de março de 2020.

O ex-parlamentar informou em seu perfil que ficou sabendo do caso, quando “chegou até a minha casa um cidadão em posse desses documentos pedindo orientação de como proceder para encaminhar essa denúncia aos órgãos competentes, eu com a experiência de mais de 40 anos de polícia, dei as orientações corretas para que tal denúncia chegue as autoridades”.

O atual secretário de Saúde Paulo Moschetta disse que não poderia se pronunciar sobre o tema, pois na época não estava à frente da pasta.

Ao ser questionado sobre a revelação feita por Klock, a Prefeitura de Indaial informou que vai apurar os fatos e tomar as devidas providências.

Na época do caso, segundo descreveu o denunciante, com a Covid-19 em alta, a prefeitura abriu para restaurantes realizar vendas ao município para alimentação do setor da saúde, mas no fato exposto, um funcionário ativo, forneceu as marmitas.

Nas redes sociais algumas pessoas indagaram se ocorreu alguma comunicação ao Ministério Público, mas não tiveram resposta.

O Estatuto do funcionário público veda que o servidor tenha empresa em seu nome, proibindo o vínculo comercial entre funcionários e prefeitura.

Delegado José Klock
você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.