A notícia além do olhar técnico!

Empresários presos em Ascurra por envolvimento na compra de votos pagam R$ 50 mil e são liberados

Por Judson Lima

ASCURRA – Os dois empresários, mãe e filho, que foram presos em flagrante pelo crime de compra de votos na cidade de Ascurra foram soltos depois de pagar fiança no valor de R$ 50 mil reais. A empresária vai responder inquérito por corrupção eleitoral, e seu filho responderá por corrupção eleitoral e crime de porte ilegal de arma de fogo, informou a Delegacia de Polícia Civil.

Segundo o Delegado Ronnie Reis Esteves com os envolvidos foram encontrados no porta-luvas do automóvel dos empresários uma pistola, calibre .380 com 14 munições e dentro do carro a quantia de R$ 2.250,00 (dois mil e duzentos e cinquenta reais), bem como uma bandeira de um determinado candidato.

Foto: Judson Lima

Considerando a localização da arma de fogo, os valores, a bandeira, as demais informações, tais como áudio do whatsapp e relatório de informação policial, fora dada voz de prisão, sendo conduzidos pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e corrupção eleitoral.

Foi arbitrada pelo Delegado Ronnie Reis Esteves o pagamento de fiança no valor de R$ 25 mil para a empresária pelo crime em tese de compra de votos, ela pagou e saiu no final da tarde. Já durante a noite o juiz eleitoral Gustavo Bristot Mello decidiu impor o pagamento de fiança no valor de R$ 25 mil ao empresário pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, ele pagou e foi liberado.

Os dois envolvidos responderão os processos em liberdade.

Click no link abaixo e veja momento da prisão dos empresários: 

Momento da prisão dos empresários

.

 

 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.