A notícia além do olhar técnico!

Deputado Naatz busca apoio regional para viabilizar Região Metropolitana de Blumenau

2

BLUMENAU – O deputado estadual Ivan Naatz (PV) retomou nesta semana a mobilização e conscientização regional junto as Camaras de Vereadores em torno da criação da Região Metropolitana de Blumenau, que seria integrada ainda pelos municípios de Gaspar, Indaial, Pomerode e Timbó. Naatz busca apoio e representantes das Câmaras Municipais para participar das reuniões da Frente Parlamentar em defesa da instalação desta região e que esta em vias de criação e instalação na Assembleia Legislativa.

Na palestra que fez aos vereadores de Gaspar, na noite da ultima terça-feira, o deputado Ivan Naatz defende que os municípios possam discutir, em conjunto, os desafios comuns no intuito de buscar soluções para o desenvolvimento de projetos integrados e demandas comuns a resolver como expansão de vias urbanas e rodovias, dificuldades de transporte coletivo, saneamento básico, coleta e processamento de lixo e atendimentos na saúde, além da profissionalização e fortalecimento do turismo regional.

O parlamentar procurou vencer eventuais resistências, esclarecendo que a oficialização de uma região metropolitana não significa aumento de custos ou de estruturas públicas, mas apenas uma proposta de gestão coletiva, integrada e planejada e com previsão constitucional, inclusive de destinação de recursos.

“Nosso papel é explicar e esclarecer . Depois de instalada a Frente Parlamentar iremos realizar um cronograma de novas reuniões e seminários neste sentido”, antecipou, informando ainda aos vereadores que no projeto de reforma administrativa apresentada pelo Governador Moises na Assembleia Legislativa, existe a previsão d o funcionamento de uma estrutura governamental em favor do desenvolvimento da Região Metropolitana de Florianópolis. “Não podemos ficar atrás, é preciso mobilização regional, afinal somos uma região de forte potencial e produção econômica com mais de 600 mil habitantes”, observou.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.