Slider

CPI dos Respiradores: O retorno da cobrança

Por Comunicação

SANTA CATARIA -Durante a leitura da mensagem anual do governador de SC Carlos Moisés, que marcou a abertura dos trabalhos do ano legislativo na Assembleia Legislativa, nesta terça-feira (02), o deputado e líder da bancada do PL, Ivan Naatz, e que também foi o relator da CPI dos Respiradores no ano passado, voltou a cobrar a recuperação dos R$ 33 milhões pagos antecipadamente pelo Estado para a aquisição dos 200 equipamentos, até hoje não entregues em sua totalidade e nem recursos devolvidos. O protesto foi feito por meio de um cartaz levado ao plenário, questionando com os dizeres: “Governador Moisés! Cadê os R$ 33 milhões roubados dos catarinenses?”.

Apesar de investigações em inquérito da Policia Federal não ter encontrado indícios de envolvimento criminal do governador na aquisição dos respiradores, o deputado sustenta que isso não elimina a responsabilidade político-administrativa de Carlos Moisés no caso, junto com outros 17 envolvidos no relatório final da CPI.

“O governador não teve zelo, fiscalização e cuidado com o dinheiro público e a sociedade exige a devolução dos recursos para obras e serviços de saúde. Vamos continuar cobrando”, acrescentou.

 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.