IMG-20210628-WA0344
Arte Vacinação - indailal
PlayPause
previous arrow
next arrow

Competição Volta à Ilha, em Florianópolis, completa 23 anos com 4 mil corredores inscritos

gulamania
Rodeio 35
PlayPause
previous arrow
next arrow

ESPORTES – A competição Volta à Ilha, em Florianópolis, completou 23 anos e teve a inscrição de 4 mil corredores. A prova de revezamento, uma das maiores da América Latina, ocorreu neste sábado (7), como mostrou o NSC Notícias.

Os atletas vêm em grupo, mas a maioria segue sozinho em uma prova em que o maior desafio é vencer o próprio limite. Dar a volta à Ilha de Santa Catarina significa correr 140 quilômetros. Os atletas se revezam.

“É sempre um desafio grande para as pessoas, ou ganharem, ou mesmo chegar em último, mas conseguir completar essa volta de 140 quilômetros”, afirmou o diretor-geral da competição, Carlos Roberto Duarte.

Vence a equipe que fizer a volta no menor tempo possível. O percurso tem asfalto, trilha, praia e morros. Este ano, também teve um obstáculo a mais: o sol forte. Mas as belas paisagens pelo caminho funcionaram como incentivo para os atletas.

Há equipes de várias cidades fora da região, como a do Anderson Maus, que veio de Concórdia, no Oeste catarinense. O atleta correu 20 quilômetros. “É o desafio e é incomparável a sensação de estar aqui em Florianópolis percorrendo e fazendo essa volta à Ilha”, disse.

Depois de mais de 10 horas do início da prova, os primeiros atletas começaram a chegar na Avenida Beira-mar Norte, onde terminou o percurso.

Elson Gracioli esteve entre os primeiros. Aos 44 anos, correu 70 quilômetros. “Dá vontade de chorar. É um momento de satisfação pessoal que deu muito grande”, disse.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.