Câmara de Vereadores retorna às sessões hoje

INDAIAL – Na segunda-feira, dia 5 de fevereiro, às 18h30min, a Câmara de Vereadores de Indaial realiza a primeira sessão de 2018. De acordo com o presidente do Legislativo indaialense, vereador Osvaldo Metzner, o Santo Antônio (MDB), nesta primeira reunião será definido o calendário até o recesso de junho.

Santo Antônio explica ainda que o principal desafio da Câmara neste ano será a deliberação da reforma do Plano Diretor. “Tivemos diversas etapas e discussões no ano passado, no entanto, já é hora de uma definição. Não quero criar falsas expectativas, mas a pretensão é de que esteja concluído até o fim do primeiro semestre”.

Para ele, é vital que a cidade adote novas diretrizes para direcionar ações que abarquem o crescimento populacional constante. “Mais de 60% dos cidadãos de nossa cidade vieram de outras cidades, de diversas partes do país, ou seja, eles optaram por Indaial para viver. Sem um Plano Diretor, a cidade seria um caos”, destaca.

Ainda segundo ele, um dos principais fatores responsáveis por atrair o interesse destas pessoas é a presença de uma universidade. “É preciso planejar para que Indaial não sofra lá na frente. A cidade já investe muito acima do obrigatório em Saúde e Educação, por exemplo e, mesmo assim, sofre com o aumento da demanda. A expansão populacional é o grande desafio”.

Santo Antônio ressalta ainda que a Câmara de Indaial deve trabalhar forte para ser cada vez mais atuante. “Somos uma Câmara enxuta e que busca informação para trabalhar melhor, prova disso é que participamos dos congressos Estadual e Nacional, com o objetivo de aperfeiçoamento”.

O presidente do legislativo revela que há cerca de 30 funcionários trabalhando na Casa, já contabilizando os assessores. O orçamente da Câmara em 2017 foi em torno de R$ 5,5 milhões, um repasse de cerca de R$ 580 mil mensais. Deste montante, foi devolvido aos cofres da Prefeitura R$ 1.882.964,91 em dezembro de 2017. “Nosso trabalho deve manter os pés no chão, buscando o que é melhor para a população e com enfoque no debate que busca saídas para os problemas da cidade”.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.