Bombeiros voluntários de SC que prestaram serviço em Brumadinho chegam domingo

Judson Lima/Foto:Reprodução

INDAIAL – Após uma semana intensa de trabalhos no apoio ao resgate a vítimas da tragédia em Brumadinho, região metropolitana de Minas Gerais, os 28 bombeiros voluntários de Santa Catarina voltam para casa neste sábado (2).

A força-tarefa do Corpo de Bombeiros Militares Santa Catarina permanece na região, em atuação desde a última quinta-feira (31).

Antes da partida na noite desta sexta-feira (1°), o comandante do grupo de voluntários, Evandro Vinotti, fez um vídeo da área onde rompeu uma barragem de mineração.

“A equipe está bem cansada, é claro, né? Porque todo o dia aqui é muito difícil. A energia aqui também é bem pesada por conta de tudo o que aconteceu nesta região”, explicou.

Além disso, ele explicou que, apesar das adversidades, a solidariedade das pessoas durante o período de atuação foi marcante para o grupo de Santa Catarina.

“O tempo todo vinha profissionais de todas as áreas trazer para a gente alimento, queriam lavar nossa roupa, cortar nossos cabelos. Queriam ajudar da forma que podiam”, disse.

Bombeiros voluntários trabalharam em resgate em Brumadinho — Foto: Reprodução/NSC TV

Bombeiros voluntários trabalharam em resgate em Brumadinho — Foto: Reprodução/NSC TV

Emoção

Um dos momentos marcantes que Vinotti destacou no vídeo foi quando os voluntários foram ovacionados por familiares de vítimas.

“Familiares das pessoas que perderam as suas vidas e no momento que eles estavam aqui na frente, eles pararam e bateram palmas para os bombeiros que estavam aqui na frente do acampamento”, recorda. Vinotti também agradeceu todo o apoio que recebeu dos catarinenses durante os trabalhos.

Os voluntários saíram de Indaial, no Vale do Itajaí, no dia 26 de janeiro. Trabalharam profissionais de Indaial, Presidente Getúlio, Ibirama, Ilhota, São João do Itaperiú, Itaiópolis e Balneário Barra do Sul na missão de resgate.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here