A notícia além do olhar técnico!

Blumenau tem maior alta no preço de gasolina de setembro em SC

4

BLUMENAU – A cidade de Blumenau registrou a maior alta no preço da gasolina em Santa Catarina no mês de setembro. A gasolina aumentou 8,09% no último mês e ficou à frente de Jaraguá do Sul, onde o combustível aumentou 7,94%.

Os dados são do boletim dos preços dos combustíveis elaborado pelo Observatório Regional de Energia e Economia do Meio Ambiente, órgão ligado à Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Blumenau também aparece em destaque quando é analisado o aumento anual da gasolina nas cidades do Estado. De janeiro a setembro, os maiores acréscimos ocorrem em Tubarão (17,87%) e Blumenau (11,19%).

Em todo o Estado, o preço médio da gasolina subiu 3,86% em setembro, saltando de R$ 4,15 em agosto para R$ 4,31 no último mês. Em comparação ao mesmo período do ano passado, o litro da gasolina registrou um aumento de 14,31%. Em valores, Concórdia registrou o maior preço médio da gasolina, com R$ 4,60. O menor valor foi obtido em São José – R$ 4,18.

O professor de Economia da UFSC e supervisor da pesquisa, Guilherme de Oliveira, explica que o principal fator que explica esse novo aumento nos combustíveis no mês de setembro é a alta do preço do barril de petróleo, que no último mês teve a maior elevação dos últimos meses. Além disso, como o mercado depende muito de importações, a alta do dólar também impacta muito sobre o preço. E com a alta da moeda americana por causa da expectativa que antecedeu as eleições, os valores nas bombas também aumentaram para o consumidor.

– Isso explica a alta dos preços no mercado de combustíveis como um todo. Mas regionalmente, o tamanho do mercado também interfere. Em cidades com mercado maior, a tendência é de que os postos repassem menos o preço, por terem mais concorrência. Já em cidades com mercado de médio porte, como Blumenau e Concórdia, onde há o maior preço, os postos costumam repassar mais – pontua o professor.

Para os próximos meses, mesmo com a queda no preço do dólar depois do resultado do primeiro turno, a tendência ainda é de alta no preço nas bombas dos postos de Santa Catarina em razão da sequência de alta no preço do barril de petróleo no mercado internacional.

Variação mensal

Blumenau: 8,09%

Jaraguá do Sul: 7,94%

Variação anual, de janeiro a setembro

Tubarão: 17,87%

Blumenau: 11,19%.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.