A notícia além do olhar técnico!

Blumenau oferece atendimento psicológico durante a pandemia de Coronavírus

Mais de 130 pessoas já procuraram atendimento

BLUMENAU – Durante a pandemia, a Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria de Promoção da Saúde (Semus), passou a oferecer atendimento psicológico online. Até agora, 131 pessoas procuraram o serviço que possibilita o acompanhamento daqueles que estejam enfrentando dificuldades emocionais em decorrência da pandemia da Covid-19.

Entre as principais dificuldades apresentadas pelos pacientes estão ansiedade, tristeza, solidão e dificuldade de adaptação na pandemia. Situações como a perda do emprego, perda de um ente querido e problemas de relacionamento com familiares durante pandemia também fazem parte dos relatos.

Os psicólogos da secretaria prestam o serviço de acordo com os preceitos éticos da psicologia. O município conta com 13 profissionais que atendem em escala, com foco no atendimento de agravos a saúde mental decorrentes da pandemia.

O atendimento psicológico pode ocorrer por chamada de vídeo, chamada de áudio ou chat – pelo Whatsapp (48) 4042-0330, ou pelo link med.lectorlive.com/semus. O horário de atendimento é de segunda a sexta, das 8h às 18h.

Setembro Amarelo – Mês de prevenção ao suicídio

A campanha mundial incentiva a promoção de ações de conscientização sobre a prevenção ao suicídio. Há três anos, o município conta com a Lei Municipal nº 8.372/2017 que institui e inclui no calendário oficial de eventos o “Setembro Amarelo”, mês de prevenção ao suicídio, que reúne diversas ações de conscientização durante o mês inteiro. Porém, por conta da pandemia e o período pré-eleitoral as ações deste ano estão acontecendo em outro formato.

Nesta quinta-feira, dia 10, a data é marcada pelo Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio e, por conta disso, a Semus vai promover uma capacitação online voltada aos trabalhadores da saúde municipal. Durante a transmissão, que inicia às 14h, a psicóloga do Centro de Atenção Psicossocial Infantojuvenil, Karina Kaltenbach Ullrich, fará a apresentação e o lançamento de um vídeo produzido pela equipe do Caps Infantil com diversas parcerias. Já o psicólogo Josué Adilson Cruz, que atua no Centro de Atenção Psicossocial Adulto (Caps 2), fará uma conversa em torno do tema da campanha deste ano que é “Não basta falar, é preciso agir!”.

A secretaria convida a população a aderir ao Setembro Amarelo utilizando a cor amarela, com uso de camisetas, lacinho, fita de pulso, no carro, exposição de balões ou iluminando a fachada de prédios no município.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.