A notícia além do olhar técnico!

Atletas de quatro modalidades recebem troféus da Olimpíada Estudantil Catarinense

Para conquistar o titulo geral, Florianópolis somou 124,8 pontos. Blumenau fechou com 119,65 e Joinville ficou em terceiro, com 116,15 pontos

ESPORTES – Atletas de caratê, ciclismo, ginástica rítmica e atletismo subiram ao pódio neste domingo, 15, na Olimpíada Estudantil Catarinense (Olesc), em Videira. Com os resultados deste domingo, Joinville dispara na liderança. A cidade do Norte de Santa Catarina fez duas dobradinhas douradas: no caratê e no atletismo, além de um terceiro lugar no ciclismo e na ginástica rítmica. Com isso, os joinvilenses chegam a 84 pontos, seguidos por Florianópolis, com 52, e Jaraguá do Sul, com 51 pontos. A etapa estadual da 19ª edição da Olesc começou na sexta-feira, 13, e segue até o dia 21 de setembro.

As premiaçõs começaram na manhã deste domingo, quando Florianópolis recebeu o troféu inédito de campeã geral de ginástica rítmica. “É com muito orgulho que voltamos pra casa com esse troféu depois de ter trabalhado arduamente o ano inteiro no nosso ginásio e inesperadamente ser campeãs, principalmente porque não éramos favoritas. Nós tivemos a capacidade de colocar em prática tudo aquilo que treinamos”, disse a treinadora da equipe da Capital, Evelise Garofalo.

Para conquistar o titulo geral, Florianópolis somou 124,8 pontos. Blumenau fechou com 119,65 e Joinville ficou em terceiro, com 116,15 pontos. No ciclismo, quem garantiu o primeiro lugar geral foi Jaraguá do Sul, bicampeã da modalidade. O município conquistou o primeiro título de ciclismo na última edição, em Indaial. Jaraguá do Sul somou 53 pontos, Florianópolis teve 38, e Joinville, 33, completando o pódio geral da modalidade.

Já no caratê, Joinville foi campeão geral no masculino e no feminino. Os títulos foram confirmados com o kumitê por equipe, realizado na manhã deste domingo, no ginásio do Sesi, em Videira. Na classificação geral, Joinville atingiu 76 pontos no masculino. Em segundo ficou Tubarão, com 54, seguido por Içara, com 37. No feminino, os joinvilenses somaram 60 pontos, seguidos dos caratecas de Blumenau, com 53, e os de Içara, com 48 pontos.

Final do atletismo com emoção

O atletismo terminou com emoção em Videira. Na disputa do troféu masculino, Joinville precisava não apenas vencer o revezamento 4×100 misto, mas bater o recorde da prova. E foi o que fizeram os joinvilenses Leonardo Mendes, Uanderson da Silva, Barbara Vale e Camilly dos Santos, que voaram para cravar 3min.46s49. Assim, Joinville somou 130,5 pontos na classificação geral, contra os 128 pontos de Balneário Camboriú, que terminou em segundo lugar. Jaraguá do Sul ficou na terceira posição, com 104 pontos

No atletismo feminino, Joinville teve uma vitória mais tranquila ao atingir 126 pontos. Jaraguá do Sul somou 78 pontos e Blumenau fechou o pódio, com 70 pontos. A treinadora joinvilense Margit Weise afirma que o sacrifício valeu a pena. “Estamos aqui há três dias competindo sob sol e frio. Nossos atletas resistiram bravamente a tudo isso com garra e determinação e fomos campeões”, disse a treinadora.

Melhores atletas do atletismo

Larissa da Silva Luci, de Nova Veneza, foi escolhida a melhor atleta da Olesc, no atletismo, pelo júri técnico. Ela bateu o recorde dos 800m com o tempo de 2min17s85 e se despede da competição como tetracampeã dos 800m e 1.500m. “Foi uma honra muito grande me despedir em grande estilo desta competição que é tão importante em minha vida”, disse a campeã.

Eduardo Malczevski, de Blumenau, foi o atleta destaque entre os homens. Ele foi recordista dos 100m rasos, estabelecendo uma nova marca na competição, com o tempo de 10s81. Venceu também os 200 metros com a marca de 22s19. “É muito gratificante ser o atleta destaque porque eu treinei muito para esta competição e consegui colocar todos os treinos em prática aqui em Videira”, afirma Malczevski.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.