A notícia além do olhar técnico!

Após audiência pública Casan deve permanecer gerenciando serviço de água em Ascurra

Por Judson Lima

ASCURRA – Com presença de autoridades municipais Ascurrenses, lideranças , vereadores , AGIR ,funcionários da Casan e demais envolvidos, aconteceu nesta segunda feira (10) a audiência pública para avaliar a renovação contratual entre Casan e Prefeitura de Ascurra.

Foto: Judson Lima

O superintendente Norte Vale da Casan, o engenheiro Sanitário e Ambiental, Rangel Barbosa e representantes da estatal, apresentaram o estudo de viabilidade econômica com investimento na ordem de R$ 40,2 milhões de reais para 30 anos de contrato.

A exposição detalhou a operacionalização de projetos da expansão da rede de distribuição de água e implantação de sistema de esgoto em 90% de Ascurra.

Vídeo reportagem 

Ascurra realizou ausência pública para discutir renovação contratual com Casan

Ascurra realizou audiência pública para discutir renovação contratual com Casan Com presença de autoridades municipais Ascurrenses, lideranças , vereadores , AGIR ,funcionários da Casan e demais envolvidos, aconteceu nesta segunda feira (10) a audiência pública para avaliar a renovação contratual entre Casan e Prefeitura de Ascurra.O superintendente Norte Vale da Casan, o engenheiro Sanitário e Ambiental Rangel Barbosa e representantes da estatal, apresentaram o estudo de viabilidade econômica com investimento na ordem de R$ 40,2 milhões de reais para 30 anos de contrato.A exposição detalhou a operacionalização de projetos da expansão da rede de distribuição de água e implantação de sistema de esgoto em 90% de Ascurra.Atualmente são cerca de 2.870 unidades consumidoras de água atendidas pela Casan.Muitos questionamentos e apontamentos foram levantados pelos presentes.Agora cabe a Câmara de Vereadores e a Prefeitura estabelecer outras etapas para que seja renovado o contrato com a Casan.Judson Lima

Gepostet von Vale do Itajaí Notícias am Montag, 10. Februar 2020

Atualmente são cerca de 2.870 unidades consumidoras de água atendidas pela Casan.

Muitos questionamentos e apontamentos foram levantados pelos presentes.

Agora cabe a Câmara de Vereadores e a Prefeitura estabelecer outras etapas para que seja renovado o contrato com a Casan.

Por Judson Lima 

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.