A notícia além do olhar técnico!

Apiúna faz produção pioneira de cogumelos champignon em Santa Catarina

APIÚNA – Samoel Berticelli e Alessandra Berticelli, moradores da localidade de Jundiá e proprietários da empresa Vali Cultivar, deram início ainda em dezembro de 2016 à produção pioneira de cogumelos champignon no Estado. “Em Santa Catarina somos os primeiros a cultivar esta iguaria, antes encontrada no Sul apenas no Paraná e Rio Grande do Sul”, disse Samoel.

A produção que rende em média de 1,5 toneladas por mês é destinada ao setor alimentício como restaurantes e pizzarias. O processo de produção segue um rigoroso padrão de qualidade e o investimento é constante, visto que a área de produção da empresa está sendo ampliada com a construção de uma nova cozinha.

produção de cogumelos champignon é pioneira em SC

O secretário de agricultura Gilmar Formagi e o assessor de comunicação Willian Klaumann estiveram nas dependências da empresa na tarde do dia 31/10 para conhecer em detalhes este novo empreendimento. “Temos orgulho da Vali Cultivar atuar em nosso município, trazendo um produto diferenciado. É muito interessante conferir pessoalmente a dedicação e os cuidados necessários para realizar o processo de produção. Além disso, estamos felizes em poder contribuir através secretaria de agricultura para que a empresa se solidifique no município”, ressaltou Gilmar.

Samoel também nos explicou um pouco de como funciona a produção do champignon:

“As instalações possuem salas climatizadas com controle de temperatura e umidade, sendo que são organizadas em prateleiras com distancias padronizadas. Para uma estufa de aproximadamente 450 sacos o investimento com estrutura e matéria prima fica em torno de R$ 25.000,00.

A produção inicia com a matéria prima que é o composto orgânico, já com a semente onde é incubado o fungo do champignon. Durante aproximadamente 15 dias a matéria prima passa pela fase chamada de incubação, onde o fungo toma conta do composto orgânico. Decorrido este processo entramos na fase de incubação da terra, onde é feita a cobertura do composto com terra corrigida.

Por mais um período de 10 dias começa a fase de arrefecimento, onde induzimos o micélio (fungo do champignon vegetativo) se tornar em primórdios (fungo do champignon produtivo) onde inicia o crescimento e a formação dos cogumelos. A colheita dura em torno de 30 dias dependendo da quantidade de fluxos.

Referente ao mercado, no Brasil o consumo do Champignon é muito pequeno comparado com países da Europa, mas vem crescendo cada vez mais. O champignon é considerado um alimento rico em proteínas e vem com o apelo saúde por ser produzido sem agrotóxicos e ser muito nutritivo.

Nós da Vali Cultivar queremos trazer ao mercado catarinense um produto daqui, com qualidade e preço acessível a todos, quebrando o paradigma de um produto elitizado.”

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.