IMG-20210628-WA0344
UNIMED---50-anos
Banner Indaial
1200 x 100 (3)
PlayPause
previous arrow
next arrow

Apiúna: Criminosos que explodiram Sicoob são condenados a mais de 54 anos de prisão

Por Judson Lima

gulamania
1200 x 100 (2)
PlayPause
previous arrow
next arrow

APIÚNA – Os sete bandidos envolvidos no furto com explosão do Banco Sicoob de Apiúna foram condenados pelo Poder Judiciário da Comarca de Ascurra a mais de 54 anos de prisão, a sentença foi proferida no último dia 09 de agosto, seis dos condenados estão presos preventivamente à disposição da justiça, responsável pela decisão judicial.

O crime aconteceu no dia 13 de outubro de 2019, os condenados foram investigados na operação “Xeque-Mate”, deflagrada pela Polícia Civil da Comarca de Ascurra, com o apoio operacional das Delegacias de Timbó, Abdon Batista, Xanxerê e do Departamento Penitenciário Federal, que conseguiu detalhar e comprovar a participação de cada um no furto com uso de explosivos executado contra o Banco Sicoob da cidade de Apiúna.

Foto:Polícia Civil

Os investigados foram condenados as seguintes penas, foram somente divulgadas as iniciais dos criminosos:

M.S condenado a uma pena de 11 anos, 06 meses e 07 dias de reclusão a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

Z.F condenado a uma pena de 08 anos, 11 meses e 18 dias anos de reclusão a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

T.M.O condenado a uma pena de 09 anos, 02 meses e 18 dias de reclusão a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

J.M.S condenado a uma pena de 07 anos, 05 meses e 18 dias de reclusão a ser cumprida inicialmente em regime fechado.

A.M.M condenado a uma pena de 10 anos e 06 meses de reclusão a ser cumprida inicialmente em regime fechado;

G.C condenado a uma pena de 06 anos de reclusão, 04 meses e 24 dias a ser cumprida inicialmente em regime semiaberto.

P.V.R.C condenado a uma pena de 01 mês de detenção a ser cumprida inicialmente em regime aberto.

Os condenados, com a exceção de P.V.R.C, estão presos.

COLABORE COM A POLÍCIA CIVIL DE ASCURRA – DENÚNCIAS ATRAVÉS DO 047-9.9793-6769 – SIGILO ABSOLUTO.

 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.